Faz diferença?


Imagine que nada mais importa...


Sei lá, você tinha um grande plano em mente, um sonho pra correr atrás, uma esperança, um bonde doido XD Então você se frusta... a casa cai, o rôle mia, o passeio fica linguiçado. Tipo como se um caminhão baú a mais de 180 por hora pilotado por um baiano atropelasse seu sonho.


E depois?


Será que você ia ter a força pra continuar correndo atrás disso? Será que você (depois de um periodo de fossa regado a musica indie é claro) ia procurar outro sonho pra correr atrás? É nessas horas que você costuma mandar tudo a merda, desencana de todo o resto e se joga prum monte de coisas que você não fazia (ou ja fazia só q mais de leve), eu adoro saber o que eu faço se nada mais importa, atitudes sinceras ligadas no turbo... e atitudes sinceras geralmente fazem bem pra gente.


Mas e depois?



Todo mundo quando se sente a vontade ou num caso extremo mostra o seu caráter... quando a gente desencana a gente mostra quem realmente é e o que realmente quer... quando a paciência esgota é a mesma coisa.
Não fique com medo de errar, tenha medo é de não tentar... dando errado ou não.



2 comentários:

microfonia verbal disse...

Boto uma fé nisso!!!!!!

Sempre me fodo... mas a gente tenta se divertir, não é mesmo????????//

Toca pra frente que atrás vem gente!!!!

Sei que quando a gente está passando (no gerúncio mesmo) é foda, mas depois passa e vc olha pra trás e ve que valeu a pena, ou não.

Bj bj

Manifeste a Revolta disse...

Se não der? Nós tentamos de novo.

A frente
Pra frente
Em frente

sempre.

Agente se fode, mas sempre segue. Por isso somos o q somos.


Valeu por compartilhar!!!


Bjooo Dan